Como se proteger contra a vibração ocupacional? Confira!

 

No dia a dia de trabalho, os seus colaboradores precisam manusear uma série de equipamentos e máquinas. Algumas delas, como é o caso de compactadores, vibram durante a utilização, o que acarreta a chamada vibração ocupacional.

A vibração ocupacional é, portanto, o problema gerado pela manipulação de equipamentos que vibram. A exposição a esse tipo de estímulo de forma prolongada pode trazer uma série de complicações para a saúde dos seus colaboradores, como náuseas, dores musculares, estresse e, até mesmo, problemas nos nervos e a Síndrome de Raynaud, que afeta o sistema circulatório.

Quer saber como proteger os seus colaboradores contra a vibração ocupacional? Então, continue a leitura e descubra agora mesmo!

 

Invista em luvas antivibração

Um dos EPIs mais importantes para proteger os colaboradores contra a vibração ocupacional são as luvas antivibração. Esse equipamento foi projetado especificamente para a proteção dos trabalhadores nessa situação, sendo capaz de absorver a vibração, evitando que ela chegue até as mãos, braços e ombros do colaborador.

A luva antivibração é indicada para trabalhos nos quais as vibrações são localizadas, ou seja, quando há a utilização de equipamentos como compactadores e britadeiras. Ao absorver o impacto, o trabalhador é capaz de realizar as suas atividades sem ter os efeitos nocivos da vibração.

Ainda vale lembrar que a luva pode proteger contra outros tipos de riscos ocupacionais, como cortes e perfurações.

 

Adquira assentos ergonômicos

Não são só os equipamentos leves que podem gerar vibração ocupacional. Máquinas pesadas, como empilhadeiras e tratores, também geram esse tipo de estímulo, podendo ser bastante prejudicial para os colaboradores.

Nesse aspecto, uma das formas de proteger a equipe é a aquisição de assentos ergonômicos para esses veículos. Os assentos são capazes de absorver a vibração emitida pela máquina e, com isso, evitam que esse estímulo afete o corpo dos trabalhadores.

Vale ressaltar que os assentos ergonômicos também trazem outros benefícios. Isso porque eles foram projetados para garantir uma postura adequada do trabalhador enquanto opera os equipamentos, evitando também outros problemas que poderiam ser gerados pela falta de ergonomia no trabalho.

 

Capacite a sua equipe

Por fim, vale lembrar que uma equipe bem treinada e capacitada é essencial para reduzir o número de acidentes e prevenir doenças ocupacionais. Afinal, quando os colaboradores sabem operar as máquinas de forma adequada, os impactos negativos que elas poderiam gerar também são minimizados.

Dessa forma, para evitar a vibração ocupacional, também é importante capacitar a sua equipe. Ensine os colaboradores a melhor forma de operar os equipamentos e máquinas para que eles vibrem o mínimo possível. Além disso, também é importante capacitá-los para o uso adequado de EPIs e promoção da segurança do trabalho enquanto realizam as suas atividades.

Como você pode perceber, a vibração ocupacional é um problema que, a longo prazo, pode trazer consequências negativas para a saúde e condição física dos seus colaboradores. Aproveite as nossas dicas para começar, agora mesmo, a proteger a equipe contra esse problema. Lembrando que uma empresa especializada, capaz de oferecer EPIs seguros e de qualidade, pode ser uma ótima aliada nesse aspecto.

 

FONTE: Delta Plus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *